Utilizamos cookies próprios e de terceiros para coletar informação estatística do uso de nosso site e lhe mostrar publicidade relacionada com suas preferências mediante a análise de seus hábitos de navegação. Se continuar navegando, consideramos que aceita o uso dos cookies. Você pode mudar a configuração ou obter mais informações aqui.
Fechar
PlanetadeLivros
Sonia Purnell

Sonia Purnell

SONIA PURNELL é biógrafa e jornalista, tendo trabalhado para The Daily Telegraph, Daily Mail e The Sunday Times. Clementine: The Life of Mrs. Winston Churchill (publicado como First Lady no Reino Unido) foi considerado livro do ano pelo The Daily Telegraph e The Independent, e foi finalista do Plutarch Award. O seu primeiro livro, Just Boris, figurou entre os candidatos ao prémio Orwell.
Uma Mulher Sem Importância foi o vencedor do Plutarch Award for Best Biography.

Uma Mulher Sem Importância
Compre

Uma Mulher Sem Importância

Sonia Purnell

Uma Mulher sem Importância é a história extraordinária de como a feroz persistência de uma mulher ajudou a ganhar a Segunda Guerra Mundial. 

Compre
Sinopse de Uma Mulher Sem Importância

Virginia Hall a socialite americana que ajudou a ganhar a Segunda Guerra Mundial, está envolta no esquecimento, apesar dos seus atos heroicos.
Nesta biografia sem precedentes e minuciosamente pesquisada, a autora traz à luz do dia uma das maiores heroínas de sempre desta época negra da História mundial.
Um livro que ressalva a importância da responsabilidade, perseverança, desenvoltura, lealdade, da nossa história e o respeito por todos os seres humanos.
Virginia foi a primeira mulher civil condecorada com a Distinguished Service Cross, em setembro de 1945.
Em 1942, a Gestapo enviou uma transmissão urgente: «Ela é a mais perigosa de todas as espias aliadas. Temos de a encontrar e destruí-la.». O alvo era Virginia Hall, uma socialite americana que conseguira entrar para o Special Operations Executive, a organização de espionagem chamada de «Ministério da Guerra Não Cavalheiresca», de Winston Churchill.
Apesar de ter uma prótese de madeira na perna esquerda, Virginia foi a primeira mulher aliada a ser enviada para trás das linhas inimigas, ajudando a acender a chama da Resistência Francesa.
Virginia estabeleceu uma vasta rede de espiões por toda a França, organizou a chegada de armas e explosivos, dinamitou pontes, libertou prisioneiros, tornando-se num elemento central da Resistência. Embora o seu rosto surgisse em cartazes e tivesse a cabeça a prémio, Virginia recusou sistematicamente a ordem de evacuação. Acabaria por escapar, depois de revelado o seu disfarce, numa arrojada e perigosa viagem a pé através dos Pirenéus, em direção a Espanha. Mas regressaria determinada a salvar mais vidas, conduzindo uma campanha de guerrilha vitoriosa e libertando dos nazis áreas de França já depois do Dia D.
Com base numa minuciosa investigação, Sonia Purnell revela, pela primeira vez, a vida até agora ignorada de Virginia Hall. Uma história inspiradora de heroísmo, resistência e triunfo pessoal sobre a mais chocante adversidade.

Virginia Hall a socialite americana que ajudou a ganhar a Segunda Guerra Mundial, está envolta no esquecimento, apesar dos seus atos heroicos.
Nesta biografia sem precedentes e minuciosamente pesquisada, a autora traz à luz do dia uma das maiores heroínas de sempre desta época negra da História mundial.
Um livro que ressalva a importância da responsabilidade, perseverança, desenvoltura, lealdade, da nossa história e o respeito por todos os seres humanos.
Virginia foi a primeira mulher civil condecorada com a Distinguished Service Cross, em setembro de 1945.
Em 1942, a Gestapo enviou uma transmissão urgente: «Ela é a mais perigosa de todas as espias aliadas. Temos de a encontrar e destruí-la.». O alvo era Virginia Hall, uma socialite americana que conseguira entrar para o Special Operations Executive, a organização de espionagem chamada de «Ministério da Guerra Não Cavalheiresca», de Winston Churchill.
Apesar de ter uma prótese de madeira na perna esquerda, Virginia foi a primeira mulher aliada a ser enviada para trás das linhas inimigas, ajudando a acender a chama da Resistência Francesa.
Virginia estabeleceu uma vasta rede de espiões por toda a França, organizou a chegada de armas e explosivos, dinamitou pontes, libertou prisioneiros, tornando-se num elemento central da Resistência. Embora o seu rosto surgisse em cartazes e tivesse a cabeça a prémio, Virginia recusou sistematicamente a ordem de evacuação. Acabaria por escapar, depois de revelado o seu disfarce, numa arrojada e perigosa viagem a pé através dos Pirenéus, em direção a Espanha. Mas regressaria determinada a salvar mais vidas, conduzindo uma campanha de guerrilha vitoriosa e libertando dos nazis áreas de França já depois do Dia D.
Com base numa minuciosa investigação, Sonia Purnell revela, pela primeira vez, a vida até agora ignorada de Virginia Hall. Uma história inspiradora de heroísmo, resistência e triunfo pessoal sobre a mais chocante adversidade.

Livros de Sonia Purnell

Bibliografia de Sonia Purnell

Carregando...