PlanetadeLivros
Isabel Stilwell
 ©(c) Pedro Ferreira
©(c) Pedro Ferreira

Isabel Stilwell

ISABEL STILWELL é jornalista e escritora. Desde o Diário de Notícias, onde começou aos 21 anos, que contribuía de forma essencial para o jornalismo português. Fundou e dirigiu a revista

Pais & Filhos, foi diretora da revista Notícias Magazine durante 13 anos e diretora do jornal Destak. Em 2007 estreou-se na escrita de romances históricos com Filipa de Lencastre e em 2021 conta já com nove romances sobre oito grandes rainhas e um rei, com mais de 300 mil livros vendidos, três deles traduzidos para inglês e um publicado no Brasil.

Em 2019 iniciou uma coleção de rainhas de Portugal dedicada aos mais novos. Estão publicadas as histórias de D. Maria II, a menina rainha e D. Filipa de Lencastre, a rainha que seguiu a sua estrela. 

Escreve uma crónica semanal no Jornal de Negócios e tira as espinhas aos números com Alexandra de Almeida Ferreira, num programa diário na Antena 1 que procura a realidade escondida por trás dos dígitos e das estatísticas.

É mãe de três filhos e avó de oito netos (número sempre em atualização!).

Vive em Sintra, que é também uma das suas causas.

Leonor Teles
Compre

Leonor Teles

Isabel Stilwell

A fascinante história de Leonor Teles

Compre
Sinopse de Leonor Teles

Três de rubi.

Três de diamante.

E, o maior de todos, verde esmeralda.

 

Sete anéis, símbolos de poder, que passariam, um a um, das mãos do rei D. Fernando para os dedos da sua adorada mulher, como prova do seu amor e do seu desejo de a proteger. Leonor Teles não esquecia que haviam pertencido ao assassino de Inês de Castro. Mas, não, apesar de partilharem o mesmo cabelo cor de fogo, a mesma paixão pela vida e a mesma ambição pelo poder, não, Leonor não teria o mesmo destino da sua prima. Seria rainha em vida. Teria o poder nas suas mãos.

Casada, mãe de um rapaz, Leonor não se deixa ficar presa nem à vida num paço perdido, nem ao senhor de Pombeiro, seu marido. Parte para Lisboa, onde a sua beleza, inteligência e artes de sedução conquistam o coração de D. Fernando e o ódio das gentes e da nobreza que a apelidam de adúltera. O tom das críticas sobe ainda mais quando corre o rumor de que se tornou amante do Conde Andeiro. Mas Leonor tem um plano e não olhará a meios para o concretizar, nem que para isso tenha de desafiar todo um reino.

A autora best-seller Isabel Stilwell traz-nos a fascinante história de Leonor Teles, maltratada pela História que a apelidou de «Aleivosa». Entre as guerras com Castela, intrigas e conspirações familiares, Isabel Stilwell traça o retrato desta mulher, sem medo, que lutou por aquilo em que acreditava.

Três de rubi.

Três de diamante.

E, o maior de todos, verde esmeralda.

 

Sete anéis, símbolos de poder, que passariam, um a um, das mãos do rei D. Fernando para os dedos da sua adorada mulher, como prova do seu amor e do seu desejo de a proteger. Leonor Teles não esquecia que haviam pertencido ao assassino de Inês de Castro. Mas, não, apesar de partilharem o mesmo cabelo cor de fogo, a mesma paixão pela vida e a mesma ambição pelo poder, não, Leonor não teria o mesmo destino da sua prima. Seria rainha em vida. Teria o poder nas suas mãos.

Casada, mãe de um rapaz, Leonor não se deixa ficar presa nem à vida num paço perdido, nem ao senhor de Pombeiro, seu marido. Parte para Lisboa, onde a sua beleza, inteligência e artes de sedução conquistam o coração de D. Fernando e o ódio das gentes e da nobreza que a apelidam de adúltera. O tom das críticas sobe ainda mais quando corre o rumor de que se tornou amante do Conde Andeiro. Mas Leonor tem um plano e não olhará a meios para o concretizar, nem que para isso tenha de desafiar todo um reino.

A autora best-seller Isabel Stilwell traz-nos a fascinante história de Leonor Teles, maltratada pela História que a apelidou de «Aleivosa». Entre as guerras com Castela, intrigas e conspirações familiares, Isabel Stilwell traça o retrato desta mulher, sem medo, que lutou por aquilo em que acreditava.

Bibliografia de Isabel Stilwell

Imagens